Brasil teve mais de 7 mil campanhas publicitárias na internet em maio

Brasil teve mais de 7 mil campanhas publicitárias na internet em maio

Crescimento foi de 24% em um ano. Números são do Ibope Nielsen Online

<!– http://www.facebook.com/plugins/like.php?href=http://exame.abril.com.br/marketing/noticias/brasil-teve-mais-de-7-mil-campanhas-publicitarias-na-internet-em-maio&locale=pt_BR&layout=button_count&show_faces=false&width=130&action=recommend&colorscheme=light&height=21 –>

http://platform.twitter.com/widgets/tweet_button.1340179658.html#_=1340562751125&count=horizontal&id=twitter-widget-0&lang=en&original_referer=http%3A%2F%2Fexame.abril.com.br%2Fmarketing%2Fnoticias%2Fbrasil-teve-mais-de-7-mil-campanhas-publicitarias-na-internet-em-maio&size=m&text=Brasil%20teve%20mais%20de%207%20mil%20campanhas%20publicit%C3%A1rias%20na%20internet%20em%20maio%20-%20Marketing%20-%20EXAME.com&url=http%3A%2F%2Fexame.abril.com.br%2Fmarketing%2Fnoticias%2Fbrasil-teve-mais-de-7-mil-campanhas-publicitarias-na-internet-em-maio&via=exame_com

inShare14

<!–
 Comentários ()

Views (203)

–>

                    Tang Chhin Sothy/AFP

Mão em um notebook

Campanhas online: mais de 7 mil anúncios em maio deste ano

São Paulo – O Brasil teve um número 24% maiorde campanhas publicitárias na internet em maio deste ano, em comparação com maio de 2011, de acordo com a medição mensal da internet feita pelo Ibope Nielsen Online. Foram veiculadas no mês passado 7.030 campanhas na internet brasileira.

Já o número de banners teve um crescimento maior ainda: passou de 16.444 para 22.880 no mesmo período, o que representa um crescimento de 37% em um ano.

Ainda, a quantidade de banners veiculados em maio deste ano já é superior a registrada em dezembro de 2011, quando a atividade atingiu o maior número do ano passado.

Entre os anunciantes que mais aumentaram o volume de banners em maio de 2012, estão os de comércio eletrônico, os serviços de TV por assinatura e os de ensino escolar e universitário. Os sites que mais publicaram banners em maio foram os de notícias e os de entretenimento